Paranóia na tela

O pessoal da psicanálise vai gostar desse.

Em breve deve estrear um filme sobre a vida  (e delírio) de um dos casos mais famosos trazidos à luz pelo pai da psicanálise. Shock Head Soul (Reino Unido/Holanda, 2011) projeta na tela a história de Daniel Paul Schreber,  juiz alemão acometido por um transtorno mental grave na virada do século XX. O filme é baseado no livro “Memórias de um doente dos nervos”  publicado em 1903, que narra a formação do exuberante delírio do autor.

Em 1911 a obra foi analisada por Freud como paradigma de um caso de paranóia.

Veja aqui o site oficial do filme.

Leia aqui a entrevista com Helen Taylor-Robinson (psicanalista) e Clive Robinson (psiquiatra) que participaram da realização do filme.

:: Posts relacionados: Cinema e psiquiatria, Os perigos do método, Divã de celulóide

2 Responses to “Paranóia na tela”

  1. Victor Quinderé
    07/07/2012 at 4:51 pm #

    Acabei de ver esse filme, que tem como tema principal esquizofrenia paranoide, bem bacana.

    http://www.imdb.com/name/nm0788335/

    • S. Albuquerque
      07/07/2012 at 7:53 pm #

      Quindas, o link que pôs é de um ator.

Leave a Reply